Comunidade Santa Rosa

"A cruz é a escada para o céu…" Santa Rosa de Lima Festa: 23 de Agosto

“Dízimo”

ORAÇÃO DE SETEMBRO

ANIVERSARIANTES DE NASCIMENTO E CASAMENTO:
Jan | Fev | Mar | Abr | Mai |JUN | Jul | Ago | Set | Out | Nov | Dez


Dízimo

AGORA, O 5º MANDAMENTO É:

“Atender às necessidades materiais da Igreja, cada qual segundo as próprias possibilidades”

O Papa Bento XVI extinguiu o termo “dízimos” do quinto Mandamento da Igreja, conforme Compêndio do Catecismo da Igreja Católica por ele promulgado em 28 de junho de 2005 e republicado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.


PERGUNTAS E RESPOSTAS

O que é dízimo?

É uma contribuição voluntária, regular, periódica e proporcional aos rendimentos auferidos, que todo batizado deve assumir como sua obrigação, mas também seu direito em relação à manutenção da vida da Igreja local onde participa.

Quem inventou o dízimo?

O coração dos filhos de Deus. Foi a gratidão dos irmãos para com Deus Pai que inventou o dízimo. Já faz 3 mil anos e Deus sempre aprecia e ama a quem dá seu dízimo com alegria.

Mas Deus precisa do dízimo?

Não. Deus não, mas os irmãos, a comunidade, sim. Irmãos que se amam se ajudam. O dízimo cria família. Cria confiança. Cria crescimento, tanto da família que o dá, como da comunidade que o recebe.

Eu tenho o compromisso de dar o dízimo?

Sim. O dízimo é um compromisso com Deus, com a Igreja e com os pobres.

Não basta dar o que sobra?

Não. Dízimo é partilha do que se tem, não das sobras. Partilhar não é o que sobra. Partilhar é dar o que o outro precisa.

Por que as pessoas inventaram o dízimo e o colocaram na Bíblia?

O dízimo foi o jeito que as pessoas encontraram para agradecer ao Senhor e para se ajudarem entre si. Deus inspirou esta idéia. Tanto no Antigo como no Novo Testamento o dízimo é parte da Bíblia. É gesto de gratidão do povo a seu Deus.

O dízimo salva a gente?

Não. Não salva. Não é o dinheiro que salva. Nem nossas obras: quem nos salva é o Amor de Deus. Nem os santos nos salvam. Nem Nossa Senhora: só Deus salva. E quer salvar a todos. Mas.., o dízimo me leva mais perto de Deus, porque me leva para a comunidade. Dízimo é um meio. E não devemos abandonar os meios que nos fazem mais irmãos e nos conduzem mais a Deus.

Faz diferença pagar ou dar o dízimo?

Dízimo não se paga. Deus não negocia. Dízimo se dá. Pagar indica obrigação, lei, imposto. Dar é gesto espontâneo. Dízimo é partilha gratuita. Existe diferença entre as pessoas que dão e que não dão dízimo.Quem dá se engrandece. O dízimo engrandece nosso ser. Nos abre a Deus e aos irmãos. O dízimo é nossa devoção, uma devoção para Deus. Dízimo é compromisso santo: quem reconhece, quem agradece, se engrandece.

O que eu ganho dando o dízimo?

Não se deve dar o dízimo por causa do retorno. Deus também nos dá tanta coisa e qual o retorno que ele recebe? Com o dízimo eu aprendo a ser generoso, a ser sincero e reconhecido com o Senhor de tudo. Eu retribuo um pouco a Deus, do muito que ele me dá. Só isto.

De outro lado, a Igreja me prestará serviços religiosos, quando eu precisar. Mas o importante é ser generoso, não mesquinho, nem com os irmãos nem com Deus.
O próprio dízimo pertence a Deus. Deus é dono de tudo, cem por cento é de Deus e dele tudo nos vem. Eu apenas lhe agradeço, devolvendo-lhe algo por cento. É como se minha mãe me desse um grande bolo, cada dia, e eu retiro uma parte do bolo para ela dar a meus irmãos.

É melhor dar muito dízimo sem boa vontade, ou é melhor dar pouco com boa vontade?

O melhor é dar o certo e de boa vontade. Não se deve dar a Deus e aos irmãos o que sobra: o troco de mercado, as migalhas. Deus não pede o resto, nem esmola. O justo é dar o certo.
Dízimo

Quem está dispensado de dar o dízimo?

Ninguém está dispensado.A Bíblia fala que todos devemos reconhecer as graças de Deus. Cada um deve dar de acordo com suas possibilidades. Deus elogiou a oferta da pobre viúva. Deve ter sido bem pequena. E não aprovou a oferta dos ricos que faziam a doação só para se mostrar. Como bom exemplo, até o Padre, os Ministros, os Agentes de Pastoral, as irmãs, as Empresas, o Bispo… todos deveriam dar seu dízimo.

E se a pessoa é bem pobre?

Uma das finalidades do dízimo é a promoção social, e neste caso a comunidade deve ajudar ao “bem pobre”.

E não dá para dar o dízimo em forma de serviços ou ofertas?

Pra dar, dá. Mas, ser sincero também neste ponto. Deve-se combinar bem com a Equipe do Dízimo. Pode também ser em doações. Só que a Bíblia fala claro: mesmo dando um animal para o sacrifício, mesmo assim a família não está dispensada do dízimo. O dízimo, na Bíblia, é sagrado e não se negocia com nada. Por isto, as coletas na Missa não dispensam o dízimo.

A Bíblia é bem clara: quem pode dar dez por cento, deve dá-lo. Quem pode dar 10% não deve dar Oito por cento. Quem pode dar 5 por cento não deve dar 2 ou 3 por cento. A Igreja no Brasil pede pelo menos um por cento (centésimo). Mas, quem pode dar mais, deve dá-lo.

O que dificulta, o que derruba o dízimo na comunidade?

Derrubam o dízimo: a diretoria que não presta contas; Equipe que só pensa em dinheiro e só faz coisas quando dão lucro; quando se valoriza só quem dá o dízimo; quando os pobres não têm vez e voz; quando se formam “panelinhas”; o povo não colabora com o dízimo quando o Padre e a diretoria não se dão bem; quando não há clareza sobre os gastos do carro paroquial, dos salários aos funcionários; cai o dízimo quando ele é usado só para fins materiais… Baixa o dízimo quando se desconfia da aplicação do dinheiro e falta transparência.

O que favorece o povo a dar com alegria o dízimo?

A transparência das contas. A fidelidade na aplicação. A seriedade com que é tratado o dízimo e o respeito pelos dizimistas e os outros. O segredo sobre o que cada um dá. Cresce o dízimo quando se tem clareza que nós somos Igreja missionária.

Todos os domingos participo da missa e faço a minha oferta no momento próprio do ofertório. Mesmo assim devo contribuir com o dízimo?

De fato, a liturgia prevê um momento em que somos convidados a oferecer os nossos dons diante do altar do Senhor e nesse momento ninguém deve comparecer de mãos vazias (cf Dt. 16,10.15-17). Oferecemos o que trazemos em nosso íntimo e também fazemos a nossa oferenda material. Não participar desse momento especial da liturgia é não participar da Missa plenamente. Mas quando fazemos a nossa oferta na Missa não estamos isentos de contribuirmos com o nosso dízimo e nem mesmo de darmos esmolas e praticar outras obras de caridade.

Fontes: wikipedia.org e paroquiasagradaface.org.br
Retirado dos Livros: Dízimo- Expressão Forte de Comunidade
10ª Edição Editora – O Recado – por – A.TATTO

Anúncios

2 comentários em ““Dízimo”

  1. Nanete
    26 de setembro de 2014

    A PASTORAL DO DÍZIMO completa nesse mês de setembro 15 anos de atividades.Que Deus toque mais corações para q percebam e devolvam á Deus o q Dele é.”Se tenho,é porque me deste,amém!”

  2. Nanete
    9 de janeiro de 2013

    Muito esclarecedor.Parabéns!As pessoas fazem muita confusão ainda sobre a diferença de dízimo e oferta,apesar da equipe do dízimo se esforçar muito para que isso não aconteça.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Papa Emérito Bento XVI: Muito Obrigado!!!

Papa Emérito Bento XVI:  Muito Obrigado!

A Igreja de Cristo vos ama! Deus vos abençoe!

DÍzimo: Ato de Amor, Fé e Reconhecimento consciente a Deus!

DÍzimo: Ato de Fé, Amor e Reconhecimento a Deus!

Dízimo é: Dar a Deus um pouco do muito que Ele nos dá.

Enviai Senhor operários para a Vossa messe, pois a messe é grande e poucos são os operários.

Enviai Senhor operários para a Vossa messe, pois a messe é grande e poucos são os operários.

Mas tu, vem e segue-Me! (Oração pelas vocações...)

Nossa Senhora, Rainha das Famílias, rogai por nós! Tudo com Jesus e nada sem Maria!

Nossa Senhora, Rainha das Famílias, rogai por nós!

Jesus, Maria e José, a nossa Família Vossa é!

%d blogueiros gostam disto: